8 de jul de 2013

Algo de Insano: I - O primeiro dia de aula.

   Oi, meu nome é Laura. Desculpa, meu nome era Laura, agora é Camila. É uma longa história esse lance de nomes, na verdade a história da minha vida é longa. E complicada, muito complicada. Mas irei contar tudo exatamente do jeito que aconteceu, desde que tinha 11 anos, até hoje. Desde que eu era Laura, até ser Camila. Desde que éramos Laura, Camila e Pedro, até hoje, que somos apenas Camila, ou Laura, e Pedro.
   Tudo começou quando passei da quarta para a quinta série. Tive de mudar de escola, pois a que eu estudava ia só até a quarta série. No primeiro dia de aula, cheguei em uma escola muito diferente da minha, era grande, e na minha sala, que antes tinha apenas quinze alunos, agora tinha 37. Me sentei na fileira da frente, afinal, não conhecia ninguém, e precisava prestar atenção nas aulas.
   Do meu lado direito sentou uma menina ruiva, com cabelos ondulados, um pouco pra baixo dos ombros, com dois olhos verdes enormes contornados por grandes cílios cor de fogo. Ela era magra e não muito alta, nem baixa, e parecia ser muito metida, seu nome era Camila. Do meu lado esquerdo sentou um menino alto e magro. Tinha a pele branca e negros cabelos bagunçados. Ele era lindo, muito lindo mesmo, com um rosto maravilhoso, acho que era o menino mais bonito da sala. E ele se chamava Pedro.
   Nas três primeiras aulas nós três não trocamos nem uma palavra, só nos apresentamos  para todos os professores, coisas de primeiro dia de aula. No intervalo não pude deixar de notar que a Camila estava tirando um livro de dentro da sua bolsa, mas não era qualquer livro, era “Harry Potter e o Cálice de fogo”, e eu amo esse livro, então perguntei:
   -Em qual página você está?
   -239. Você já leu?
   -Sim, já li todos os livros! Eu amo a saga!
   -Pois eu já li todos os livros duas vezes cada! - disse Pedro com tom de arrogância.
   -Sério? Que legal, eu pretendo ler a saga, e se eu gostar dos outros livros como gostei do anteriores irei ler muitas vezes! - disse Camila com um sorriso no rosto.
   Eu particularmente não tinha achado tão legal assim, ele tinha sido metido. Já era de se esperar que um menino lindo como ele fosse metido, mas concordei com Camila.
   -Querem passar o intervalo comigo? Não conheço ninguém. - convidou Camila.
   -Claro, eu também não conheço ninguém! - exclamei.
   -Eu? Passar o intervalo com duas meninas? Só pode estar brincando, eu quero é jogar futebol mesmo, obrigado pelo convite, mas eu estou saindo. Fui!
   -Camila, eu não gostei desse menino, ele é muito metido e arrogante, o que você achou?
   -Eu achei ele bem legal, e ele não é arrogante, só quer passar uma impressão de bonitão para nós duas, principalmente pra você...
   -Como assim principalmente pra mim?
   -Ué, você não viu não?! Ele ficou olhando pra você a aula toda, e quando falou comigo estava olhando pra você, e ele nem piscava de tão encantado!
   -Claro que não! Ele é um bobão que se acha! Vamos descer.
   Não podia ser, um menino como ele, olhar pra mim?! Nada a ver, eu não passava de uma nerd esquisita.


Nenhum comentário:

Postar um comentário