10 de jul de 2013

Algo de Insano: II - Uma grande amizade

   Os dias foram passando e Camila, Pedro e eu fomos nos tornando mais amigos. Percebi que Pedro não era tão metido como tinha pensado, mas ainda era um pouco mala. Mas eu comecei gostar dele mesmo em um dia que minha mãe atrasou pra me buscar na escola. Estava morrendo de tédio pois enquanto esperava eu tinha terminado meu livro, e minha mãe nada de chegar. Mas de repente, vi alguns garotos saindo da quadra, e entre eles, estava Pedro. Lembrei que todas as segundas e quartas-feiras depois da aula ele tinha futsal no colégio. Ele veio correndo na minha direção e falou:
   _Laurita, você ainda está aí? Pra sua sorte meu pai vai demorar um pouquinho pra vir me buscar, e nós podemos fazer alguma coisa enquanto esperamos!
   _Pra minha sorte, tem certeza?! A sua companhia é um azar! Brincadeirinha!
   _Hahaha, muito engraçado mocinha. Mas então, tenho meu uno aqui, vamos jogar?
   _Só de duas pessoas é chato!
   _Mas vai ser legal, somos amigos, e quando dois amigos estão juntos, nada é chato!
   E foi essa última frase que me fez perceber o quanto eu gostava dele, e o quanto ele gostava de mim. Percebi que ele era como um irmão pra mim. Na época ainda não sabia o que ia acontecer no futuro, não sabia que ele era muito mais que um irmão, não sabia que ele ia ficar do meu lado sempre, independente do que fosse acontecer. Independente do que aconteceu...
   Nós jogamos, e posso afirmar com toda a certeza que foi o melhor jogo de uno de todos os tempos, vou me lembrar pra sempre, seja  o que for o meu pra sempre. E depois disso, nossa amizade ficou mais forte, verdadeira, e vi que ele não tinha nada nem de mala, nem de metido, mas era muito companheiro.
  Os anos foram passando, e quando estávamos na sétima série, montamos uma banda. Uma banda que só tocava no quintal da minha casa, e só quem via eram os nossos pais. Eu tocava guitarra e cantava, a Camilita (nossos apelidos: Camilita, Laurita e Pedrito) tocava baixo e o Pedro tocava bateria. A banda que mais gostávamos de tocar era Red Hot Chili Peppers, e agora, ainda tocamos um pouco, não como antes, mas tocamos.


Um comentário: