17 de jul de 2013

Algo de Insano: IX - O projeto começa

   Depois de finalmente aceitar que a minha melhor amiga não estaria por perto por mais muito tempo, decidi fazer o possível, e o impossível pra vê-la feliz, nem que fosse por mais dois meses. Nos encontramos em um parque da cidade para tomarmos um sorvete. Tinha um dia inteiro planejado, só ela e eu. Muito ar "puro", natureza, pessoas animadas, fazendo exercícios, pessoas felizes, e um sorvete maravilhoso.
   -Pra começar, vamos fazer um corrida de bicicleta, quem perder paga os sorvetes!
   -Já disse que você é a minha melhor irmã?
   -Só umas trezentas milhões de vezes! Vamos logo, estou com vontade de tomar sorvete de graça!
   -Hahaha... eu que vou tomar sorvete de graça!
   -Veremos!
   E começamos pedalar. No começo eu pensei em deixar Camila ganhar de propósito, afinal, a vida dela estava acabando, e eu ainda ia fazer ela pagar sorvete? Não, eu tinha que pagar pra ela. Mas depois pensei que eu estava querendo fazer ela feliz, e eu não queria mentir pra ela, queria ser totalmente verdadeira.
   No final quem ganhou foi ela, e eu tentei ganhar, mas Camila sempre foi mais atlética que eu, sempre gostou de exercícios. Uma vez ganhou uma corrida de bicicleta. E foi pelo fato de ela gostar e ser boa nisso que escolhi o itinerário para aquele domingo.
   -Haha vai ter que pagar dois sorvetes, e eu já estou avisando que vou querer o mais caro!
   -Ta bom, eu pago o mais caro, agora chega de jogar na minha cara que você é toda atlética, malhadona, e que me venceu na corrida!
   -De que adianta ser malhadona, sendo que daqui uns três meses esse corpo malhado vai estar podre?
   -Camila, nós combinamos que não íamos falar sobre isso hoje.
   -Desculpa, não pude evitar, e desde que soube, só penso nisso.
   -Eu sei, também só penso nisso, mas agora vamos tomar nossos sorvetes deliciosos!
   Terminamos os nossos sorvetes e voltamos ao parque, fomos tirar algumas fotos engraçadas.
   Esse foi só o primeiro dos muitos dias de diversão que iríamos viver, apesar de toda a tristeza do momento, eu prometi pra mim mesma que ia realizar todos os desejos da minha amiga, e claro que o Pedro ia me ajudar nessa missão!

Nenhum comentário:

Postar um comentário